Páginas

quinta-feira, 5 de março de 2015

JUSTIÇA ELEITORAL

ELEITORES DO MUNICÍPIO DE URUARÁ QUE NÃO VOTARAM NAS DUAS ÚLTIMAS ELEIÇÕES DEVEM REGULARIZAR SUA SITUAÇÃO ATÉ O DIA 04 DE MAIO

Os eleitores que deixaram de votar nas eleições nos anos de 2012 e 2014, primeiros e segundos turnos, deverão comparecer ao cartório eleitoral até o dia 04 de maio para regularizar sua situação.

Segundo a chefe do Cartório Eleitoral de Uruará, Erenita Carvalho de Sousa, o cidadão que não regularizar sua situação eleitoral até a data estabelecida, terá seu título cancelado pelo Tribunal Superior Eleitoral. “os eleitores que não regularizarem sua situação eleitoral até o dia 04 de maio, sofrerão algumas conseqüências, pois ele não poderá se inscrever em concursos públicos e/ou, se tiver sido aprovado, não tomar posse do cargo; não obter passaporte; não participar de concorrência pública; não obter empréstimos em estabelecimentos de créditos mantidos pelo governo; não renovar matrícula em estabelecimentos de ensino oficial; não obter certidão de quitação eleitoral, entre outras”, enumerou.

A chefe do Cartório Eleitoral de Uruará, Erenita Carvalho, informou que o Município tem 27.263 eleitores. Ela apresentou outros dados e adianta que a equipe do Cartório Eleitoral do Município de Uruará já se prepara para as eleições do ano de 2016. “Na eleição de 2014, tínhamos 27.198 eleitores, na situação regular; destes, 17.702, isto é, 65.09% compareceram às urnas. E, a equipe do cartório já esta se preparando para as eleições de 2016”, informou.

O Cartório Eleitoral em Uruará, fica aberto de segunda a sexta-feira, das 08 às 13 horas, na Av. Goiás, frente ao Mercado Municipal. Para regularizar a situação eleitoral, o cidadão deve procurar Órgão, e, estar munido com o CPF e Carteira de Identidade.

segunda-feira, 2 de março de 2015

CACAU DA TRANSAMAZÔNICA

PRODUTORA DE CACAU DO MUNICÍPIO DE URUARÁ FALA DA IMPORTÂNCIA DA LAVOURA CACAUEIRA PARA A REGIÃO


A produtora de cacau do Município de Uruará, Elcy Gutzeit, pioneira na região falou sobre a importância desta cultura na região, bem como sua sustentabilidade, geração de emprego e renda. “A cultura do cacau é de grande importância na sustentabilidade na região. Além disso, esta cultura entra como árvore de reflorestamento. Outro aspecto importante na lavoura é a geração de emprego e renda, enquanto o pecuarista gera renda para uma ou duas famílias, a cultura do cacau, beneficia entre 30 a 40 famílias.

A produtora fala sobre as dificuldades que os cacauicultores enfrentam na região para manter a lavoura. “É uma dificuldade em todos os aspectos, tanto nas agências bancárias, os órgãos responsáveis para prestar assistência técnica, a falta de estradas, enfim. Os órgãos deveriam dar uma atenção especial para nossa cultura”.

Ervino Gutzeit, produtor de cacau, também falou sobre o incentivo por parte das autoridades e empresas responsáveis pela cultura. “eu vejo que não temos incentivos. A grande decepção é a falta de investimentos em infraestrutura na região com o asfalto na Transamazônica, a recuperação das vicinais e acompanhamento e planejamentos dos órgãos responsáveis pela cultura do cacau”, disse.

A produtora Elcy Gutzeit, pontou a parceria e apoio político por parte do deputado Eraldo Pimenta para que seja implantada na região da Transamazônica, especialmente em Uruará, uma indústria e uma escola técnica de qualificação para atender as famílias produtoras de cacau. “O deputado Eraldo Pimenta é uma pessoa que conhece a região. Contamos com o apoio dele para que sejam buscados parcerias em busca de equipamentos, investimentos e a implantação de uma escola técnica de qualificação para atender as famílias que trabalham com esta cultura”, concluiu. Nesta semana as cotações atingiram níveis mais altos em quatro meses. O preço varia de 6,50 a 7 reais o quilo da amêndoa seca.

 

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

ERALDO PIMENTA, DEPUTADO ESTADUAL DO PARÁ, SE REÚNE COM DIRETORES DA REDE CELPA E EQUATORIAL E QUESTIONA AUMENTOS ABUSIVOS DE CONTAS DE ENERGIA ELÉTRICA

ERALDO PIMENTA, DEPUTADO ESTADUAL DO PARÁ, SE REÚNE COM DIRETORES DA REDE CELPA E EQUATORIAL E QUESTIONA AUMENTOS ABUSIVOS DE CONTAS DE ENERGIA ELÉTRICA

O deputado Estadual, Eraldo Pimenta, representante na ALEPA da região da Transamazônica e Oeste do Pará, se reuniu hoje (24/025) em Belém, com diretores da Rede Celpa e Equatorial, questionando aumentos abusivos de contas de energia elétrica, retomada do Programa Luz Para Todos e a qualidade do fornecimento.

Eraldo Pimenta enfatizou que estes aumentos abusivos são inadmissíveis. “O Estado do Pará é um dos maiores produtores de energia do País, tendo a 3° maior hidroelétrica do mundo, e, em breve seremos o maior produtor. Ter a cobrança ao usuário da energia mais cara do Brasil é inadmissível. Não justifica o valor exorbitante na conta de energia elétrica”, questionou.


Durante a reunião fizeram-se presentes Firmino Sampaio, Presidente da Equatorial Energia (holding); Nonato Castro, Presidente da Celpa; Mauro Chaves, Diretor Institucional; Augusto Dantas, Diretor Comercial da Celpa; Tinn Amado, Diretor de Regulação da Celpa e Alvaro Bressan, Diretor da Equatorial.

terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

URUARÁ - RUAS E AVENIDAS EM PÉSSIMAS CONDIÇÕES

RUAS E AVENIDAS DE URUARÁ EM PÉSSIMAS CONDIÇÕES

Mesmo antes do início do inverno amazônico já eram visíveis as péssimas condições apresentadas pelas ruas e avenidas da cidade de Uruará. O estado de abandono execrável está explícito sem que nada seja feito para reverter inaceitável situação.

O que se vê são carros atolando no meio de Avenidas ao cair em valas enormes, como ocorre no Bairro Vila Brasil, na zona Norte da cidade, ou no Bairro Boa Esperança, na zona Sul da cidade.

Buracos enormes cheios de lama cada vez mais, só aumentando de tamanho como é o caso de um enorme buraco que se encontra na esquina da Rua Bernardo Sayão com a Avenida Perimetral Sul, bem no centro comercial da cidade, onde há um grande movimento no trânsito podendo a qualquer momento ocorrer um grave acidente no local.

O que será que está sendo feito com os recursos arrecadados com impostos cobrados da população e que são pagos pela mesma? O uruaraense merece uma cidade mais bonita e bem cuidada.

Por: Joabe Reis do Sistema Regional de Comunicação



segunda-feira, 16 de fevereiro de 2015

DESCASO COM A SAÚDE PÚBLICA DE URUARÁ

HOSPITAL MUNICIPAL DE URUARÁ ESTÁ SEM REMÉDIOS E SEM ALIMENTAÇÃO, AFIRMA VEREADOR ZENILSON NEGÃO

Em sua página oficial na rede social na internet, o vereador Zenilson Negão (PROS), denunciou o descaso na saúde pública de Uruará. De acordo com o vereador, o Hospital Municipal de Uruará está sem remédios e sem alimentação.

Zenilson Negão divulgou o conteúdo da denúncia apresentada por ele e os vereadores Luiz Macedo e Jackson ao Ministério Público. No ofício assinado pelos três vereadores, solicita a intervenção do Ministério Publico Junto a Secretaria de Saúde do Município, visando a solução dos problemas que vem acontecendo freqüentemente no Hospital Municipal, como a falta de medicamentos básicos, (Ampicilina, Decadron, Fernagan, Lidocaína – anestesia, Diclofenaco e outros mais).

Zenilson Negão também disse que, além disso, falta material de limpeza como Sabão em pó, detergente e outros; falta de alimentos para os pacientes internados, Material de expediente, luvas, copos descartáveis e muito mais.

Segundo o vereador Zenilson Negão a administração municipal não está oferecendo o mínimo de condições para atender a população e o Hospital se encontra em total abandono.

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015

EDUCAÇÃO

ELEIÇÃO PARA A ESCOLHA DA NOVA DIRETORIA DA ESCOLA MELVIN JONES DEVE ACONTECER DIA 27 DE MARÇO

Aconteceu na tarde desta quarta feira, dia 11, uma reunião para montar os preparativos da eleição para a diretoria da Escola Melvin Jones em Uruará. Uma comissão eleitoral foi formada, composta por pais, coordenadores escolares e o conselho escolar.

Segundo a presidente do Conselho Escolar, Neila Simone Pereira Gomes, o edital será lançado no dia 23 de fevereiro. “O prazo de inscrição dos candidatos para concorrer a diretoria será de um mês. A eleição já está marcada para o dia 27 de março”, explicou.

Votará na escolha da nova diretoria, alunos acima de 12 anos, pais, servidores e pais de aluno da escola.

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015

AUMENTO DA GASOLINA E ÓLEO DIESEL IMPACTOU O BOLSO DO CONSUMIDOR URUARAENSE

Proprietários de postos de gasolina e clientes no município de Uruará falam sobre o assunto e reclamam do aumento dos combustíveis.

A Petrobras anunciou na última quinta-feira (6) o aumento do preço de venda nas refinarias de 3% para a gasolina e de 5% para o diesel. A tributação sobre os combustíveis foi elevada a partir de domingo (1º), conforme decreto presidencial publicado no "Diário Oficial da União".

De acordo com o Fisco, o impacto do aumento seria de R$ 0,22 por litro para a gasolina e de R$ 0,15 para o diesel. Porém, o aumento variou em postos diferentes.

O aumento da gasolina impactou no bolso do consumidor. Os postos de gasolina em Uruará tiveram queda de clientes considerada, como explicam os proprietários dos postos da cidade.

Segundo o proprietário do Auto Posto Dado, Julio Cezar Farias Dias, a demanda de venda caiu muito. “A gente fica triste com a notícia. Caiu muito à demanda de cliente. Ainda mais porque chegou ao período de inverno. Está muito difícil! Dá vontade de fechar as portas e ir embora”, disse.

Para o proprietário do Auto Posto Estrela, Bruno Rafael Campelo Barros, o aumento do combustível trás um grande prejuízo para a região. “Depois que eu assumi o Posto, já teve quatro aumentos. Todos fomos prejudicados. Estamos à mercê do governo”, comentou.

O gerente do Auto Posto Mandriki, Sérgio Henrique de Souza, disse que o aumento do combustível pegou todos de surpresa. “Fomos pegos de surpresas! E a tendência é diminuir o número de clientes, causando grande prejuízo para a região”, explica.

O motorista Renato Aparecido Pereira, caminhoneiro há mais de 20 anos, morador do Bairro Pimentolândia, da cidade de Uruará, o aumento do petróleo causou grande impacto, lhe causando prejuízo considerado de mais de 800 reais. “Está ficando cada vez mais difícil fazer frete. Tivemos prejuízos de mais de 800 reais em cada viagem realizada”, comentou. 

Werli Inácio da Silva há mais de 18 anos na profissão de caminhoneiro disse que, em sua profissão nunca viu o preço do diesel aumentar tanto. “durante todo o tempo que trabalho como caminhoneiro, nunca vi o preço aumentar tanto. Nós pagamos um preço absurdo nesta região. Além do aumento do combustível temos as péssimas condições das estradas”, aponta.

Reginaldo Francisco, do Estado de Minas Gerais, que trabalha como caminhoneiro há mais de 22 anos, disse que em nossa região o combustível ficou ainda mais caro, e, que não compensa mais fazer frete. “Eu viajo em todos os lugares do Brasil e o mais caro ficou aqui nesta região. O combustível sobe, mas, o frete não”, disse.

Para o presidente da Cooperativa dos Taxistas de Uruará, Ariston Rosa dos Santos, o aumento do combustível refletiu negativamente para a população. “Isso traz um reflexo negativo para todos. O custo de manutenção de um veículo é alto, e, com o custo do aumento do combustível, este custo aumentou. Como não podemos ficar no prejuízo somos obrigados a aumentar na taxa de corrida, impactando no bolso do consumidor”, explica.

A cooperativa dos Transportes Alternativos da Transamazônica, Cootait, maior empresa de transportes de pessoas desta região, também sofreu com o aumento do combustível. Segundo o motorista Sebastião Pedro Sales, este foi o maior impacto que a empresa teve, ainda mais porque o aumento do combustível chegou ao período do inverno. “Muita dificuldade nas estradas com a chuva. Estamos pagando caro com o combustível e fica difícil para todos”, explicou.

Para a Associação dos motos taxistas de Uruará, é possível que a corrida também aumente. Josimar Augusto de Assis, presidente da Associação disse que cerca de 40 associados foram prejudicados. “Somos obrigados a aumentar mais o preço de uma corrida. Pois só na nossa associação foram 40 moto taxistas prejudicados”, concluiu.

Entre os 55 Municípios do Pará, o Município de Uruará, através da Associação de Mulheres Dom Oscar Romero (AMDOR), apenas Uruará e Conceição do Araguaia estão aptos a fornecer produtos para o governo Federal, para atender a merenda escolar. Shirley Ferreira Santos, Presidente da Associação, fala sobre esta grande conquista para a agricultura familiar no Município....

A Presidente da Associação fala também sobre os projetos que estão sendo desenvolvidos em 2015 pela AMDOR, como é o caso da conclusão da sede e a aquisição de um caminhão...

Hoje a Associação de Mulheres Dom Oscar Romero é composta por 22 sócias, oito funcionárias na fábrica e cerca de 150 famílias cadastradas e beneficiadas diretamente pela Associação.

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

ERALDO PIMENTA, DEPUTADO ESTADUAL DO PARÁ, PRESIDIRÁ COMISSÃO DE MEIO AMBIENTE, MINAS E ENERGIA, RECURSOS HÍDRICOS E MINERAÇÃO

VOTAÇÃO OFICIALIZA ERALDO PIMENTA (PMDB) NA PRESIDÊNCIA DE IMPORTANTE COMISSÃO NA ALEPA

Nesta terça-feira (10), em votação unânime na Assembléia Legislativa do Pará (ALEPA), foi confirmada a indicação do Deputado Estadual, Eraldo Pimenta (PMDB), para presidir uma das mais importantes Comissões Permanentes do parlamento paraense que é a Comissão de Meio Ambiente, Minas e Energia, Recursos Hídricos e Mineração. A eleição foi feita pelos partidos com indicação da bancada do PMDB.


Eraldo Pimenta agradeceu a confiança e o apoio recebido da bancada. "Meus agradecimentos aos nobres parlamentares que me confiaram este cargo. Estaremos aqui desempenhando com seriedade e compromisso esta mais nova responsabilidade", disse o deputado Eraldo Pimenta.

POLÍCIA - ASSALTO

BANCO DA AMAZÔNIA (BASA) DE RURÓPOLIS MAIS UMA VEZ É ALVO DE ASSALTANTES

Mais uma vez o banco BASA da cidade de Rurópolis foi alvo de assaltantes, desta vez o assalto começou aproximadamente às 09h30min da manhã. Segundo informações da policia que foram repassadas a nossa reportagem aproximadamente um bando  estava em dois carros com aproximadamente 06 homens altamente armados.

A quadrilha chegou atirando e provocando terror na cidade. Eles adentraram no banco e levaram 03 malotes contendo quantidade ainda não especificada de dinheiro. Levaram três pessoas como reféns incluindo o gerente do banco.

Depois da ação, saíram em disparada em direção a cidade de Santarém, mais entraram em um ramal que fica localizado a esquerda da BR nas proximidades de um cemitério "cachoeira do Gren". Vale ressaltar que este ramal dá acesso a rodovia Transamazônica BR 230, sentido Rurópolis/Itaituba.


Eles tocaram fogo nos carros. Uma moradora da cidade disse que foi clima de terror, dezenas de tiros de Fuzil. “Clima de guerra e terror”.

As informações são do blog Elias Junior

terça-feira, 10 de fevereiro de 2015

CONCURSO PÚBLICO - SANTARÉM

EDITAL DE CONCURSO DA CÂMARA DE SANTARÉM SAI ATÉ ABRIL DE 2015

A procuradoria jurídica da Câmara de Vereadores de Santarém, oeste do Pará, informou que até o mês de abril de 2015 deve ser publicado o edital do primeiro concurso público, realizado pelo órgão. Devem ser abertas 60 vagas distribuídas em vários setores. A previsão é que os salários, ainda em análise, variem de R$ 1 mil a R$ 3 mil.

De acordo com o procurador jurídico da Câmara, Marlon Batista de Azevedo, no momento, o órgão se planeja para aprovar o decreto legislativo que irá regulamentar o certame.

Conforme informações repassadas pela assessoria de imprensa do órgão, a proposta altera a estrutura administrativa do quadro de efetivos e cria novos cargos no legislativo municipal.

A empresa ou instituição que irá organizar o concurso ainda não foi definida, pois só será aberta licitação para escolha, após aprovação do Decreto Legislativo, que institui o concurso e a cria a Comissão Especial do Concurso Público. “Nós temos 30 dias para publicar convocação de licitação para escolha de empresa ou instituição especializada em realização de seleções públicas, para realizar o concurso”, explicou o procurador.

G1

MEDICILÂNDIA / AGRICULTURA

PRODUTORES DE MEDICILÂNDIA DEVEM REFAZER O CAR DE SUAS PROPRIEDADES EMITIDOS ATÉ O ANO DE 2012

A Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Pará (EMATER) informou nesta quinta-feira, 05, que todos os produtores rurais do município de Medicilândia que já realizaram o Cadastramento ambiental rural (CAR) das suas propriedades rurais emitidos até o ano de 2012 para comparecerem no Escritório local da Emater de Medicilândia com o objetivo de regularizarem o CAR conforme a nova legislação ambiental em vigor. O produtor deve comparecer no órgão munido dos documentos pessoais, como CPF e RG, e documentação da propriedade rural. Todo o serviço é gratuito.

O prazo final para a regularização ambiental rural para os proprietários rurais que ainda não fizeram o CAR será em maio de 2015.

O CAR é obrigatório e necessário para acessar as linhas de crédito (financiamento) e também para emissão de GTA de animais na ADEPARÁ.

O prazo para fazer o CAR vai até o dia 6 de maio de 2015, podendo ser estendido por mais um ano através de um decreto presidencial. Os produtores que não se cadastrarem até esta data irão perder o benefício de conversão de multas (imóveis que não aderirem ao PRA – Programa de Recuperação Ambiental). Além disso, as atividades podem ser embargadas, o proprietário pode ser processado por crime ambiental, e deverá pagar uma multa de R$ 5mil por hectare. Outro fator negativo é que os bancos não concederão crédito agrícola para proprietários que não fizerem o CAR.

As informações são de Joabe Reis

PREFEITURA DE URUARÁ FECHA ESCOLA E PREJUDICA ALUNOS

PELO MENOS 400 ALUNOS SÃO PREJUDICADOS COM A ORDEM POR PARTE DA PREFEITURA MUNICIPAL DE URUARÁ DO FECHAMENTO DO CEJAP

O Centro de Educação de Jovens e Adultos Personalizados (CEJAP), a partir desta segunda feira, dia 09 de fevereiro, terá suas atividades encerradas, prejudicando pelo menos 400 alunos da rede municipal de ensino que não terão onde estudar.

A professora Florinda Maria Damo, há mais de 22 anos na educação em Uruará, disse estar bastante surpresa com a ordem da SEMED de fechamento do CEJAP. “Ficamos indignados com a notícia do fechamento do CEJAP. Por vários momentos queriam fechar este Centro, que em 1985 ainda chamava Unidade de Ensino Supletivo (UES) e, que em 2011 mudou o nome para CEJAP. Gostaria que as autoridades refletissem nesta decisão, especialmente olhasse para a situação do aluno. São alunos que dependem desta escola para sua formação e, onde muitos já estudaram um ano e vão perder seu tempo de estudo. Estou muito triste com esta notícia”, desabafou.

Quem também está indignado, é o professor Sólon Matos que falou sobre o quanto o CEJAP ajudou na formação de muitos alunos no Município. “O que mais dói é saber que os alunos do travessão irão ficar sem estudar, muitos vem de longe. Outra coisa é a questão do investimento aplicado aqui e agora recebemos esta notícia de encerramento das atividades. Este Centro que já formou muita gente”, disse.

O professor Antonio Barbosa, conhecido como Toninho, recebeu com muita tristeza a notícia do CEJAP. “A notícia de encerramento do CEJA impactou a todos nós e alunos. Sugiro que a SEMED pense no caso e procure alternativas para atender os 400 alunos que ficaram sem estudar e sem perspectiva de continuação de ensino”, disse Toninho.

O secretário Municipal Educação de Uruará, Wilson Nascimento, explicou que o fechamento do CEJAP no Município foi uma ordem do Governo do Estado e que não há possibilidade de manter em funcionamento o Centro de Educação de Jovens e Adultos Personalizados no Município.

Segundo ele “o Estado sinalizou via documento que o CEJAP não se autoriza com a grade curricular desenvolvida. E para nós não é interessante transformar o CEJAP em EJA. Tivemos que fechar o Centro, mediante no futuro não podermos expedir a documentação dos alunos. Estamos estudando uma forma legal para que possamos atender, mas temos que fazer toda uma documentação”, disse.
O aluno Eli Gonçalves Ferreira, recebeu a notícia do encerramento do CEJAP com muita tristeza e disse estar revoltado com a atitude da Prefeitura. “Muito ruim receber esta notícia. Quando eu era novo não tive a oportunidade de estudar e, quando apareceu esta chance, me dediquei de corpo e alma. E, após um ano estudando, vem uma notícia desta, de que as atividades do CEJAP havia se encerrado. Estou muito revoltado! Uma administração que não se preocupa com a educação do Município. Estou indignado com este prefeito. Eu que sou pioneiro e vejo o município abandonado pela atual administração”, desabafou.

O aluno Antonio Martins de Sousa, conhecido como Zicão, também manifestou sua indignação. “Aprendi muito com os professores do CEJAP. Mas fiquei surpreso com a notícia do encerramento do Centro. Sugiro que os responsáveis busquem alternativas e não nos deixe desorientados”, sugeriu.

Por outro lado a Câmara Municipal de Vereadores foi pega de surpresa com a notícia. O vereador Zenilson Negão disse que estará tomando medidas cabíveis para que os alunos não sejam prejudicados. “O CEJAP é de fundamental importância para o Município. Beneficiou muitas pessoas, especialmente aos alunos da zona rural. O fechamento do CEJAP em Uruará é inaceitável. O Executivo tem que tomar providências para atender estes quatrocentos alunos e não deixá-los fora da sala de aula. Estaremos tomando medidas cabíveis para que os alunos não sejam prejudicados”, disse Negão.

O vereador também criticou a administração municipal. “Estamos entrando no terceiro ano de governo e só tem demonstrado a falta de competência e falta de respeito com a população de Uruará. O prefeito não valoriza a educação. Não valoriza a saúde. Não tem compromisso com a população uruaraense”, disparou.

O vereador Gilmar Milanski, ressaltou que assim que a Câmara Voltar suas atividades, dia 15 deste mês, será uma das primeiras pautas a ser colocada em discussão. “A princípio ainda não sei o motivo em que levou a Secretaria de Educação encerrar as atividades do CEJAP. Fomos pegos de surpresa! Uma coisa é clara, o Centro atendia cerca de 400 alunos, em sua maioria, adultos, pais e mães de família que não podem ser deixados abandonados. A Secretaria de Educação tem que oferecer alternativas para que estes alunos continuem estudando. Vamos apurar esta questão e rever esta situação do CEJAP. Assim que retornarmos nossas atividades dia 15 de fevereiro, iremos colocar este assunto como uma das primeiras pautas a ser abordadas pelos vereadores, visando garantir o direito de estudo destes alunos que freqüentavam o CEJAP”, finalizou Gilmar Milanski. 

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015

ERALDO PIMENTA - O GUERREIRO DA TRANSAMAZÔNICA E OESTE DO PARÁ

ERALDO PIMENTA, DEPUTADO ESTADUAL PELO PARÁ, COMEÇA SUAS ATIVIDADES PARLAMENTARES PELA TRANSAMAZÔNICA E OESTE DO PARÁ

O Deputado Estadual Eraldo Pimenta, em sua primeira atuação como parlamentar, focalizou suas atividades na região da Transamazônica e Oeste do Pará.

Eraldo participou no distrito de Campo Belo (Itaituba), de uma audiência pública com o secretário de Meio Ambiente do Estado, Dr. Fernando, o secretário Adjunto Ronaldo Lima, equipes e representantes das empresas Odebrecht, Bertoline e Cianport, discutindo assuntos de relevância para região com é o caso de portos de transbordo, juntamente com o asfalto da BR 163 e BR 230, onde irão viabilizar a logística do oeste do Pará, colocando a região em outro patamar. “Com previsão de mais de trezentos milhões de investimentos para esta região”, disse Eraldo.

Mais de mil pessoas participam da Audiência.

O deputado visitou o Diretor do Hospital Regional de Santarém, Sr Hebert Moreschi, estabelecendo parceria, cobrando melhor e mais célere atendimentos a região Oeste do Pará.

Reuniu com o Conselho dos usuários da operadora VIVO da região Norte, discutindo ampliações e melhorias do sinal de telefonia às comunidades de toda a região oeste do Pará.

Durante a reunião fez-se presentes o presidente Aldonay Belmoo; Fernando Luiz Testa (Analista Institucional), Marcelo Moda
(Gerente Regional), Tuca Paes Barreto e o assessor jurídico, Hiroito Tabajara.

Eraldo Pimenta também reuniu com o Secretário de Educação do Estado, Elenilson Pontes e o Chefe da Casa Civil, José Megale; Prefeitos, Secretários e vereadores, discutindo demandas e cobrando melhorias no sistema educacional para a região da Transamazônica e Oeste do Pará.


O parlamentar deixa claro o compromisso com esta região, buscando melhorias para Transamazônica e Oeste do Pará.

 

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015

BELO MONTE

ROTOR DE 320 TONELADAS JÁ ESTÁ NO CANTEIRO DE BELO MONTE

A Norte Energia concluiu nesta quarta-feira (04/2) a operação de transporte do rotor da segunda Unidade Geradora da Casa de Força Principalda Usina Hidrelétrica Belo Monte. A peça de 320 toneladas, oito metros e meio de diâmetro e cinco metros de altura chegou à área de estocagem de equipamento do Sítio Belo Monte a bordo de caminhão com 16 eixos, que percorreu seis quilômetros desde a Estação de Transbordo de Carga da Norte Energia, no rio Xingu.

Esta foi a última etapa da operação iniciada no dia 14 de janeiro, quando o rotor começou a ser transportado da fábrica da Voith Hydro Brasil em Manaus (AM) rumo a Vitória do Xingu (PA). Uma balsa reforçada foi utilizada para realizar o transporte pelos rios Amazonas e Xingu. No total, foram percorridos 890 quilômetros até o Sítio Belo Monte.

As informações são da Ascom Norte Energia!


POLÍCIA

ADOLESCENTE É APREENDIDO AO TENTAR FURTAR LOJA DE CALÇADOS EM URUARÁ DURANTE A MADRUGADA

Na madrugada desta sexta-feira, 06, um adolescente de 15 anos foi apreendido pela Polícia Militar do município de Uruará quando o mesmo tentava furtar uma loja de roupas e calçados no centro da cidade. A loja fica próximo ao Mercado Municipal na Avenida Ângelo Debiase. O adolescente tentou entrar pelo telhado da loja por volta das 2 horas e 30 minutos, os vizinhos viram a ação do menor e avisaram aos proprietários. Antes que o adolescente pudesse quebrar o telhado e entrar no estabelecimento ele foi apanhado por populares que o seguraram até a PM chegar e efetuar a apreensão do menor infrator que foi conduzido para a delegacia de Polícia Civil do município para ser submetido aos procedimentos cabíveis.

Na manhã desta sexta-feira os proprietários da loja registraram o Boletim de Ocorrência e prestaram depoimento ao Investigador de Polícia Civil, José Tadeu. Segundo eles o menor confessou ser o autor de um furto ocorrido na mesma loja a cerca de 20 dias quando ele entrou pelo telhado e furtou vários objetos, como botas.

O Conselho Tutelar esteve na delegacia para acompanhar o caso e irá conversar com a família para apurar os fatos de acordo com o que rege o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

As informações são de Joabe Reis

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

AÇÃO PARLAMENTAR

DEPUTADO ERALDO PIMENTA PARTICIPA DE AUDIÊNCIA PÚBLICA EM CAMPO BELO, DISTRITO DE ITAITUBA

O Deputado Estadual Eraldo Pimenta, participa no distrito de Campo Belo (Itaituba), de uma audiência pública com o secretário de Meio Ambiente do Estado, Dr. Fernando, o secretário Adjunto Ronaldo Lima, equipes e representantes das empresas Odebrecht, Bertoline e Cianport, discutindo assuntos de relevância para região com é o caso de portos de transbordo, juntamente com o asfalto da BR 163 e BR 230, onde irão viabilizar a logística do oeste do Pará, colocando a região em outro patamar. “Com previsão de mais de trezentos milhões de investimentos para esta região”, disse Eraldo.

Mais de mil pessoas participam da Audiência. 


quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

ERALDO PIMENTA TOMA POSSE NA ALEPA

ERALDO PIMENTA TOMA POSSE NA ALEPA E PRESIDIRÁ A COMISSÃO DE MEIO AMBIENTE, RECURSOS HIDRÍCOS E MINERAÇÃO

“Compartilho a minha alegria com todas as famílias dessa região e com todos os amigos que acreditaram nesse projeto”, diz o Deputado Eraldo Pimenta

Em entrevista ao jornalista Joabe Reis o deputado Estadual, Eraldo Pimenta (PMDB), empossado no dia 1º de fevereiro na Assembléia Legislativa do Pará (ALEPA), disse que agora a população tem vez e voz na Casa de Leis. O deputado não se esqueceu de mencionar a importância das famílias da Região Oeste na sua eleição.

“É motivo de muita alegria estar entre os 41 deputados do estado. O meu abraço especial para todos da Transamazônica, Oeste do Pará, BR 163, Xingu e Tapajós que fizeram com que Eraldo Pimenta em sua pequena Transamazônica juntamente com o pequeno oeste do Pará, que é como eles chamam aqui que é um gigante a região metropolitana, que nós também temos voz que acordamos e que realmente queremos ter representantes dessa região e hoje eu tenho toda a certeza disso de fato ocorre, inclusive com a minha indicação para presidir a Comissão de Meio Ambiente, Recursos hídricos e Mineração para que a gente possa discutir assuntos relacionados a toda essa região oeste do Pará. Compartilho a minha alegria com todas as famílias dessa região e com todos os amigos que acreditaram nesse projeto e até com os que não acreditaram, ma que agora eu sou um deputado de todos, deputado do estado e farei todo o possível para retribuir a gentileza do voto de confiança de cada um dessa região”.

Eraldo Pimenta também é Membro Titular da Comissão Permanente de Agricultura.

EDUCAÇÃO

AUMENTA O NÚMERO DE PROFESSORES QUE ABANDONAM AS SALAS DE AULA

Série especial mostra a atual situação dos professores no Brasil. Déficit chega a 150 mil. Maioria troca salas de aula por outros empregos.

O Jornal Nacional começa a apresentar nesta segunda-feira (02), uma série especial de reportagens sobre a situação dos professores no Brasil.

É uma profissão que todo mundo elogia, todo mundo concorda que é fundamental, mas que tem despertado o interesse de um número cada vez menor de brasileiros. Os motivos disso estão em discussão na reportagem da Graziela Azevedo e do Ronaldo de Sousa.

O Brasil tem uma necessidade urgente na escola. O país tem uma promessa: "Nosso lema será: Brasil pátria educadora”, afirmou a presidente Dilma Rousseff no discurso de posse.

E um grande desafio: “O apagão já começou há muito tempo. O déficit de professores nas áreas de química, física, matemática e biologia é da ordem de 150 mil professores” conta o diretor do Instituto Ayrton Senna, Mozart Neves Ramos.

“Eu fiquei dois anos sem professor de matemática. Na 5° e na 6° série. Então até hoje eu tenho muita dificuldade”, conta a estudante Larissa Souza.

“Fiquei trocando de professor de história na 8° série cinco vezes”, reclama um aluno.

Aqueles que poderiam ser futuros professores também estão sumindo dos cursos universitários de formação.

Acontece nas faculdades particulares: “Na licenciatura de pedagogia, sempre no primeiro semestre é lotada. São 60, quase 70 alunos e vai diminuindo. O pessoal do 6°semestre, nós temos 10 alunos”, explica Carolina Gato, estudante de Matemática e Pedagogia.
Nas universidades públicas a desistência também é notória: “Porque as lacunas começam a aparecer, então coisas que deveriam ter aprendido no ensino médio não aprenderam e aí chega na hora da prova tira zero, tira 2 na prova. Vira uma bola de neve e abandona o curso”, conta Rebeca Omelczuck, estudante de Física.

Mas e quem ficou? Como estão os professores que levaram seus cursos até o fim e estão encarando as salas de aula? É o que o Ministério Público quer descobrir.

segunda-feira, 12 de janeiro de 2015

REVOLTA

AGÊNCIA DO BANCO DO BRASIL DEIXA CLIENTES SEM DINHEIRO E REVOLTADOS, NO FIM DE SEMANA, EM URUARÁ

Por: Cirineu Santos
Fotos: Claudeney Licínio

Em Uruará, a agência do Banco do Brasil lidera o número de reclamações por parte de usuários. O pequeno número de caixas, longas filas e demora no atendimento, são algumas das deficiências apontadas pelos clientes e o público em geral que utilizam os serviços do Banco.

Todos os fins de semana, quando os clientes procuram a agência para sacar o dinheiro, ficam frustrados, pois não encontraram dinheiro nos caixa eletrônicos da agência. Praticamente todos, fora de operação com serviços de saques indisponíveis.

A direção da agência, não divulga nenhuma nota e nem dá nenhuma explicação, e, isso tem deixado os clientes revoltados.

Em sua página do facebook, Claudeney Licínio, cliente da Agência,desabafa: “O Banco do Brasil em Uruará, além do péssimo atendimento, abusa dá paciência de seus usuários. Sempre nos finais de semana nunca tem dinheiro nos caixas eletrônicos. Contando de sexta-feira a tarde. Isso e uma vergonha! E nenhuma autoridade faz nada”, disse.

Vale destacar que a população está cobrando soluções imediatas, que pelo menos minimize o caos em que se encontra a única agência do BB no Município.



quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

URUARÁ - ELEITA MESA DIRETORA DA CÂMARA MUNICIPAL DE VEREADORES PARA O BIÊNIO 2015/2016

Por: Cirineu Santos

Com nove votos a favor, três votos de abstenção (Zenilson Negão, Gilmar Milanski e Jachison Oliveira) e um contra (Luiz Macedo), os vereadores Gedeon Moreira (presidente), Amauri Oliveira (vice-presidente), Manoel Ribeiro (1º secretário) e Rodoaldo Pacheco (2º secretário), foram eleitos para compor a nova mesa diretoria para o biênio 2015/2016.

A sessão solene aconteceu na última segunda-feira, dia 15 de dezembro, pela manhã, na Câmara Municipal de Vereadores.

MAS, O QUE FAZ O VEREADOR? Enquanto agente político, ele faz parte do poder legislativo, sendo eleito por meio de eleições diretas e, dessa forma, escolhido pela população para ser seu representante. 

O vereador, de maneira geral, é o representante do povo. No exercício desta função, o vereador é o fiscal dos atos do prefeito na administração dos recursos do município expressos no orçamento. O vereador também faz as leis que estão dentro de sua competência, e analisa e aprova as leis que são de competência da prefeitura, do Executivo. Em resumo, o vereador recebe o povo, atende as suas reivindicações e é o mediador entre o povo e o prefeito.

Que a nova Mesa Diretora da Câmara e demais vereadores de Uruará, desempenhem com sabedoria, sua função nos próximos dois anos.


POLÍCIA

POLÍCIA FEDERAL QUASE 300 KG DE COCAÍNA NA BR-230, PRÓXIMO A CIDADE DE RURÓPOLIS

Uma equipe da Polícia Federal, chefiada pelo delegado Ricardo Rodrigues e mais sete agentes, apreendeu 280 kg de cocaína, que estava armazenada em 258 tabletes, em um fundo falso da carroceria de uma carreta durante uma operação na Rodovia Transamazônica BR-230, entre os municípios de Rurópolis e Placas, no Oeste do Pará, no final da tarde desta segunda-feira (15).

A carreta foi abordada a cinco quilômetros do centro da cidade de Rurópolis, na Rodovia Transamazônica (BR 230), mais precisamente na “Ladeira do Mosquito”, sentido Rurópolis/Placas.

A PF conseguiu fazer a apreensão após receber uma denúncia anônima de que a droga estava vindo para a região. “Com destino, talvez, para o Nordeste. Checamos todas as denúncias que chegam aqui na Delegacia, montamos uma equipe e, na tarde de domingo, os policiais se dirigiram para a cidade de Rurópolis”, explicou o agente da Polícia Federal, Uilses Tavares.

Ao abordar o motorista, os agentes desconfiaram do nervosismo dele. “Chamou atenção dos policiais porque a carreta estava vazia vindo de Itaituba em direção a Rurópolis e, ao abordar o motorista, ele se mostrou muito nervoso, não soube explicar a origem da carreta. A placa do ‘cavalo’, que é a boleia, é de um Estado, e a carreta em si é de outro Estado”, acrescentou Tavares.

O motorista da carreta, Rosivaldo  Alves do Nascimento, de 35 anos, cearense, disse que estava trabalhando puxando madeira na cidade de Tailândia, quando recebeu uma proposta para conduzir a carreta, da cidade de Itaituba para o estado do Ceará. Ele foi preso em flagrante por tráfico de drogas.

Segundo a Polícia Federal, caso o material fosse misturado a outras substâncias, poderia chegar a meia tonelada de entorpecente.

O motorista já foi encaminhada para Penitenciária Silvio Hall de Moura, em Santarém.


Com informações do Sem Polêmica e O Impacto.

quinta-feira, 13 de novembro de 2014

EDUCAÇÃO EM URUARÁ SOFRE COM O DESCASO DA ADMINISTRAÇÃO

ÁGUA SUJA PARA BEBER É O QUE TEM OS ALUNOS DE ESCOLA MUNICIPAL EM URUARÁ

De acordo com informações apuradas pela reportagem, desde o mês de outubro a escola municipal de ensino fundamental, Antônio Roque Lopes, situada no Bairro Vila Brasil, na zona norte da cidade de Uruará, está sem água em boas condições para o consumo. Segundo apurou a reportagem os alunos estão bebendo da água cedida por uma vizinha quando tem, às vezes falta e os alunos ficam com sede. O poço da escola secou e até o momento não cavaram o poço nem encontraram outra solução para o problema. O que resta é uma água suja para o consumo, como pudemos ver em foto enviada por populares a nossa redação, os alunos são obrigados a beber a água que também é utilizada para fazer a merenda escolar e outras atividades. Um absurdo!

ALUNOS DA ESCOLA ÂNGELO DEBIASE PRATICAM ATIVIDADES ESPORTIVAS EM SOL ESCALDANTE 

Em outra escola da cidade, a Ângelo Debiase, na zona sul, os alunos que antes podiam fazer práticas esportivas em uma quadra de esportes coberta agora têm que praticar esporte sob o sol escaldante, já que o telhado da quadra foi retirado há alguns meses e ainda não foi recolocado.

Nesta quarta-feira, 12, vários professores entraram em greve depois de sofrem cortes salarial novamente, os professores formados em faculdade particular. A paralisação dos educadores continua nesta quinta-feira.


A situação da educação municipal é cada vez mais crítica no município de Uruará.

Enviado por Joabe Reis do Sistema Regional de Comunicação 

Pesquisar este blog

Carregando...